A prestigiada revista Time incluiu o Virtual Boy da Nintendo entre os 50 piores inventos da história, em conjunto com outros produtos entre os quais os sapatos crocs e as casas de banho a pagar. O console da Nintendo ficou na oitava posição.

“O Vitual Boy vai ficar recordado como o sistema da Nintendo que teve menos tempo de existência, estando no mercado apenas seis meses em 1995 antes de ser sacrificado,” aponta a publicação.

Este console foi o último projeto de Gunpei Yokoi na Nintendo. Depois do seu fracasso, ele deixou a companhia e entrou para a Bandai, onde criou a portátil WonderSwan, a sua última criação, pois faleceu em 1997.

A Virtual Boy consistia num visor que seria pesado (teria o seu próprio suporte) que projetava uma imagem independente aos olhos do jogador, criando um efeito tridimensional, embora só utilizasse tons de vermelho sobre um fundo preto.

Na lista da Time existem outros inventos relacionados com a indústria dos videogames como o jogo social Farmville (nono lugar), e o Tamagochi (quadragésimo terceiro lugar). Segundo a Time o número um para os piores inventos da história vai para o Segway, o transporte para uma pessoa com duas rodas com sistema de balanceamento.

Fonte: Eurogamer